domingo, 3 de abril de 2016

Arrastões causam tumulto no Bairro do Recife

Apesar das revistas, as ações não foram barradas. Até o fechamento desta edição, ninguém foi detido

Do FolhaPE
Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Testemunhas relataram correrias e confusões provocadas por gruposO Bairro do Recife voltou a ser cenário de arrastões na noite deste domingo (3). Por volta das 21h, testemunhas relataram correrias e confusões provocadas por grupos de pessoas em avenidas como Marquês de Olinda e Alfredo Lisboa.

Policiais militares, apoiados por integrantes do Regimento de Polícia Montada Dias Cardoso (RPMon), além de guardas municipais, fizeram revistas na tentativa de evitar novas ocorrências. Até o fechamento desta edição, ninguém havia sido detido. O 16º Batalhão da corporação confirmou que foi necessário deslocar efetivo de outras partes do Centro para dar reforço, mas não soube informar quantos policiais faziam a segurança no Recife Antigo.

Entre frequentadores, o sentimento era de medo. No último domingo, o estudante José Carlos Alves, de 20 anos, foi assaltado próximo ao bairro, ainda dentro do ônibus. "Eu estava no Marco Zero com meus amigos e vi o menino que me roubou, mas ele não me reconheceu", disse.

Comerciantes reclamam da queda de vendas e da falta de segurança. "Eles sempre repetem as ações, se juntam e correm para fazer tumultos. Muitas vezes não roubam nada. Fazem para que os policiais corram atrás deles", afirma Larissa Ramos, funcionária, há três anos, de um dos pontos de alimentação.

Dona Lindu

No Parque Dona Lindu, em Boa Viagem, na Zona Sul, mais insegurança. Cinco pessoas foram detidas pela Guarda Municipal por envolvimento em supostos arrastões, mas acabaram liberadas por falta de provas. A situação foi controlada após a chegada de quatro equipes da GMR.

Fonte: http://www.folhape.com.br/cotidiano/2016/4/arrastoes-causam-tumulto-no-bairro-do-recife-0048.html