sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Espetáculo mixa dança e cultura havaina

por Carol Botelho
Espetáculo mixa dança e cultura havaina






Com movimentos de força, exuberância e beleza, a dança pode ser tal e qual uma paisagem havaiana. O arquipélago foi fonte de inspiração para a concepção do espetáculo Aloha, realizado pela Academia Angela Botelho, no próximo dia 9, às 20h, no Teatro Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu.

A dança contemporânea desenvolvida pelo grupo Corpo Expressivo, composto por alunos da academia, permeia todo o espetáculo, principalmente no que diz respeito à representação da natureza através dos movimentos. Mas o ballet neoclássico e o jazz também entram em cena para representar um espetáculo dividido em dois momentos e com roteiro apoiado pela mitologia havaiana.
Foto: Amanda Moraes

A Criação é baseada na história de Rangi (Céu) e Papa (Terra). Quando Rangi abraça Papa, nascem os filhos Tangaroa (Mar) e Tane (Floresta). Também da mitologia havaiana vem a dança da deusa Pele, divindade do fogo e das erupções vulcânicas. À noite, o lindo céu do arquipélago será representado pelo ballet neoclássico da Lua e das Estrelas.

De dia, uma proposta mais jovial, com direito a praia, surfistas, arco-íris e flores. E eis que, no entardecer, o palco se transforma em um cenário de luau e as bailarinas dançam uma espécie de Hulla Hulla estilizado. Ao final, um desejo de festejar coletivamente a celebração à natureza e de saudar a alegria, numa tradução literal e de movimentos corporais do significado dessa palavra havaiana de tão boas vibrações: Aloha!

Fonte: http://portaltagit.ne10.uol.com.br/cultura/18135/espetaculo-mixa-danca-e-cultura-havaina/