quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Dona Lindu está abandonado



Foto: Guga Matos/JC Imagem

O Parque Dona Lindu, construído pela Prefeitura do Recife à beira-mar de Boa Viagem, na Zona Sul, custou R$ 34 milhões e tem menos de cinco anos de uso. Mas, padece por falta de manutenção. Os estragos são evidentes na tela rasgada da quadra poliesportiva, no gradil quebrado da pista de skate, nos banheiros avariados, nas placas de informação rasgadas e nas árvores secas.

Nem água para lavar as mãos tinha, ontem, nas torneiras do banheiro feminino. O sanitário reservado aos deficientes físicos, no banheiro masculino, está interditado porque a descarga entupiu. E o fraldário, para atender crianças até 3 anos de idade, está sem descarga. Todos estão com lâmpadas queimadas.

Das seis lâmpadas do banheiro masculino, só três acendem. Interruptores de luz e suportes para o papel higiênico encontram-se quebrados. As maçanetas das portas dos sanitários foram trocadas por ferrolhos e os espelhos são manchados por pontos pretos. No lado feminino, há, também uma rachadura no espelho. A fórmica do acabamento de portas e paredes está se soltando.



Galeria de imagens:

Parque Dona Lindu sofre com abandono. Grades da quadra poliesportiva estão destruídas















A Prefeitura do Recife disse que vai investir R$ 150 mil para recuperar o alambrado da quadra, pista de skate, sinalização, conserto e manutenção de brinquedos, além de pintura.

De acordo com a Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb) da PCR, os serviços começam no próximo mês e o prazo para execução é de 40 dias. A empresa informa que investe cerca de R$ 30 mil por mês na manutenção do parque, que é danificado por vândalos, diz a nota. Já para coibir as depredações, a Secretaria de Segurança Urbana do Recife planeja um sistema de monitoramento por vídeo para o Dona Lindu.