sábado, 31 de agosto de 2013

Companhia de dança comemora aniversário em ritmo negro no Recife

Companhia de dança comemora aniversário em ritmo negro no Recife

Criart Cia de Dança apresenta releitura de 'Cangoma', neste sábado (31).
Espetáculo começa às 19h30, no Teatro Luiz Mendonça, no Dona Lindu.

Do G1 PE


Bailarinos fazem a festa dos tambores no aniversário da Criart. (Foto: Fernando Azevedo/ Divulgação)

A Criart Cia de Dança celebra 14 anos com apresentação de "Cangoma", no Teatro Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu, em Boa Viagem, Zona Norte do Recife, neste sábado (31), às 19h30. O grupo da diretora e coreógrafa Paula Azevedo fez uma releitura do espetáculo inspirado em ritmos negros, lançado ano passado.

Cangoma é o nome dado ao tambor que anunciou o fim da escravatura e foi escolhido como símbolo da riqueza da cultura negra neste espetáculo de exaltação à vida e à força da liberdade. Em 40 minutos de apresentação, guiados por uma trilha sonora com forte presença da batida africana, 15 bailarinos participam da "festa de tambores", dançando e tocando instrumentos de percussão. O elenco recebeu aulas do músico Charly Du Q.

Os figurinos acompanham a temática do espetáculo e são marcados pela tendência africana. Desenhados por Ricardo Angeiras, trazem estampas étnicas e coloridas, com palha e búzios, ornados com adereços de Bian de Fá.

A apresentação terá a participação da Companhia Infantil Criart de Dança, além de convidados locais e da Faces Ocultas Companhia de Dança de Salto/SP. A abertura da noite fica por conta da coreografia "Tuxau Abá", também da Criart. Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia).

Workshops
Completam as festividades do aniversário workshops para o público. Serão oferecidos entre domingo (1°) e terça-feira (3), nas modalidades contemporânea, moderna e clássica, respectivamente com os professores Vinicius Ferreira (Salto/SP), Arilton Assunção (Salto/SP) e Inêz Lima (PE). Outras informações pelo telefone: (81) 3011.0487.